Doe sangue, doe vida!

Publicado em: 14 de junho de 2017

Nos períodos mais frios do ano, as doações de sangue caem até 30%, situação que pode afetar o abastecimento dos bancos. Na data em que se comemora o Dia Mundial do Doador de Sangue, a campanha intensifica a importância desse ato que pode salvar muitas vidas.
A bolsa de sangue contém 450ml, quantidade que pode ser dividida por até três pessoas. O volume é muito pequeno perto do que um organismo possui, o equivalente a 7% a 8% do peso corporal. Se um indivíduo pesa cerca de 75 quilos, por exemplo, poderá ter cinco ou seis litros de sangue.
Estão aptos a doar homens e mulheres, entre 18 a 69 anos, que pesam mais de 50 quilos e que não têm doenças graves. O que ainda atrapalha essa ação de solidariedade é o desconhecimento fortalecido por mitos. O principal deles é que a doação afina ou engrossa o sangue. Também se propaga que a doação provoca perda de peso e o sangue demora para ser reposto no corpo. Nada disso é verdade.
Os glóbulos vermelhos do sangue são renovados entre duas a três semanas e o estoque de ferro fica completo em até três meses – é caso das mulheres. Já os homens podem doar novamente a partir de 60 dias da última doação.
Há ainda algumas restrições, como evitar bebidas alcoólicas até 12 horas antes da doação, e exames que precisam ser feitos previamente. Na região, o principal ponto de coleta é o Hemocentro de Rio Preto, que atende todos os dias, inclusive feriados, das 7h às 13h.
Doadores fixos
Está em desenvolvimento um aplicativo de comunicação entre o Hemocentro e os doadores habituais. Atualmente, após a coleta, é feito um agendamento e, próximo da nova possibilidade de doação, o voluntário recebe uma ligação ou uma mensagem de texto no celular com um lembrete para doar sangue novamente.

Fique por dentro
- O primeiro passo para doar é passar pela pré-triagem, na qual são medidas a pressão arterial, a temperatura corporal e o peso
- O voluntário segue para a triagem, onde é realizada uma entrevista clínica com dois profissionais de saúde
- Em seguida, é oferecida uma alimentação leve, pois não é permitida a doação em jejum
- O doador ainda tem a chance do “Voto de Autoexclusão”, etapa em que ele pode descartar sua doação, caso tenha omitido ou esquecido de fornecer alguma informação importante durante a triagem
- O voluntário vai para a sala de coleta
- Todas essas etapas duram menos de uma hora

Importante!
Todo o sangue coletado é submetido a exames para hepatite B e C, sífilis, Doença de Chagas, HIV, tipagem sanguínea, fator RH e pesquisa de anticorpos. Essa análise é importante para que o receptor receba o sangue em perfeitas condições e sem riscos.

Serviço
Hemocentro de Rio Preto
Avenida Jamil Feres Kfouri, 80, Jardim Panorama
(17) 3201-5151


Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Cadastre-se e receba notícias em seu email