Quatro servidores municipais prestam depoimento à CPI

Publicado em: 06 de agosto de 2018

A Comissão Parlamentar de Inquérito ouviu mais quatro pessoas na última quinta-feira (02), na Câmara de Mirassol. Nessa etapa, os vereadores membros da CPI fizeram perguntas a quatro motoristas que pertencem ao quadro de servidores públicos do Município.
Prestaram depoimento Nilto de Anjo, Norival Vitorio da Silva, Edison Chavier e Juracir Benedito Delfino. Os quatro, que estão lotados no Departamento de Saúde e conduzem ambulâncias e vans, relataram que um mesmo veículo foi levado para conserto em várias ocasiões, mas nunca voltava em perfeitas condições de uso.
Esse veículo citado pelos motoristas é uma van da marca Peugeot, que no momento está parada na oficina aguardando um novo conserto. De acordo com os depoimentos, entre os serviços já executados nessa van estão a troca de motor, câmbio, embreagem e motor de partida.
Entre as queixas frequentes apontadas pelos depoentes estão a demora para execução dos consertos e a baixa qualidade do serviço. Ainda citando a van, os motoristas informaram que, mesmo com o motor refeito, o veículo andou poucos dias e precisou ser levado novamente para conserto, pois apresentava os mesmos problemas anteriores de um motor desgastado.
Outro apontamento em comum nos depoimentos foi a afirmação de que a frota de veículos do Município sempre foi precária. No entanto, os servidores destacaram que o serviço prestado por outras empresas em gestões passadas era melhor e os veículos eram devolvidos de modo mais rápido.
Ao fim dos trabalhos do dia, a Comissão decidiu analisar os depoimentos dos motoristas e avaliar se fará outras convocações. Essa CPI foi aberta por meio do Decreto Legislativo 01/2018, aprovado durante a 16ª Sessão Ordinária, no dia 21 de maio.

Imprensa – Câmara de Mirassol

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Cadastre-se e receba notícias em seu email